domingo, 9 de abril de 2017

É intolerável o ataque com mísseis pelos EEUU contra a Síria

No dia 7, a administração de Trump perpetrou um ataque de grande envergadura com mísseis contra uma base aérea do exército sírio sob o pretexto de que este assassinou aos civis usando armas químicas.

Não é possível tolerar jamais este inegável ato de agressão contra um Estado soberano, assinala o porta-vos do Ministro das Relações Exteriores da República Popular Democrática da Coréia, em declaração no dia 8. A nota diz:

Através do recente ataque militar estadunidense contra a Síria, o mundo agora percebe claramente quem é o real perturbador e destruidor da paz. 

As administrações  estadunidenses antecedentes vêm cometendo atos brutais somente contra países que não possuem armas nucleares.

A administração de Trump  não tem nenhuma diferença com suas antecessoras.

Alguns dizem que o citado ataque militar anti-Síria na verdade se trata de uma advertência a RPDC, já que não é possível surpreender-la dessa forma.

Este incidente com a Síria nos dá a lição de que não devemos ter ilusão com os imperialistas e que devemos possuir a capacidade de nos defender contra a agressão dos imperialistas.

Nossa capacidade militar focada na força nuclear se utiliza desse poderoso e omnipotente elemento para frustrar o despotismo cínico, arbitrariedades e manobras de agressão dos Estados Unidos e assim defender a soberania do nosso país e o direito à existência nacional.

A realidade de hoje comprova a verdade de que temos dito, de que apenas com a força é possível se defender e foi muito correta a opção da RPDC de intensificar constantemente as forças armadas nucleares.

Diante as imprudentes manobras bélicas dos EUA, a RPDC vai reforçar por todos os meios a capacidade de auto-defesa nacional e se proteger com nossas próprias forças.

FONTE: KCNA
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário