quinta-feira, 17 de julho de 2014

Israel repete a história do Holocausto contra o povo palestino

A ONU apela para uma trégua na Faixa de Gaza após 10 dias de ofensiva israelense contra cidades palestinas. De acordo com especialistas, o saldo de vítimas e da situação humanitária na região adquire características de um "Holocausto em reverso".

Israel e Hamas acordaram uma trégua cinco horas após a trágica morte de quatro crianças palestinas atingidas pelo fogo do exército israelense. As vítimas estavam brincando em uma praia perto de um hotel onde jornalistas estrangeiros estavam cobrindo o conflito.

O povo da Palestina explorar o cessar-fogo para estocar suprimentos, enquanto os hospitais pretende afastar-se numerosos feridos para os centros na área.
O número de mortos chega a mais de 220 ​​mortos nos 10 dias desde a operação israelense dura na região.

Para alguns observadores as ações de Israel na Palestina vai evocar imagens do Holocausto, mas em sentido inverso.

"Infelizmente, [Israel] está repetindo a história, mas em sentido inverso. Han sofreu um terrível holocausto, genocídio, e estão agora a aplicar a mesma receita para o povo palestino", diz o chefe da casa xeique islâmico na Argentina, Mohsen Ali , disse à RT.

O apelo da ONU vem depois de uma onda de críticas do conflito de todos os cantos do mundo. Vários países têm sido palco de protestos contra a ofensiva israelense indiscriminada e viés de alguma cobertura de mídia do conflito.

Fonte: Russia Today
Reações:

1 comentários:

  1. Conheça, leia, curta e compartilhe www.domomb.blogspot.com.br. Neste blog há discussões sérias sobre a essência da vida no que se refere às relações humanas e os valores que lhes dão orientação. Por gentileza, CURTA clicando sob a palavra TRADUÇÃO, no canto superior direito do e no blog. Participe e ajude a vencer os bloqueios e os preconceitos, sempre injustos.

    ResponderExcluir